Motorista de caminhão estava sem cinto de segurança morre em acidente e empresa é obrigada a pagar danos morais.

Um motorista de caminhão sofre um acidente fatal, sendo confirmado pelo juiz o fato que o principal causador da morte foi a falta do uso do cinto de segurança. O caminhão estava em bom estado, assim como a rodovia. Mesmo não tendo qualquer culpa e contrariando as próprias leis, a empresa foi considerada culpada e precisará pagar danos morais a família.

O trabalhador não cumpre as normas mais básicas de segurança e a culpa é do empresário. Os funcionários e empresários já pagam o INSS regularmente exatamente para casos de acidentes e mortes, portanto, em teoria, a empresa já está pagando o seguro pelo funcionário. Vai ter que pagar de novo? Motorista agora vai ter que ter seguro de vida bancado pelo empresário? Então vamos cancelar o INSS que como tudo cobrado pelo governo, não serve pra quase nada. OK. Vamos pagar seguro de vida para funcionários e ter que embutir o valor no preço dos produtos e elevar preços (e/ou reduzir salários pois consumidor não aceita aumento de preço ou compra do camelô da esquina).

Da mesma maneira que os empregados deveriam se concientizar em usar o EPI, e não culpar empresas quando acidentes ocorrem por falta de EPI, mesmo disponibilizando e cobrando isso dos funcionários.

O empresário tem que pagar pela burrice das pessoas também!!! Quem disse que burrice não mata?

Lembrei no final que todos pagamos também o DPVAT. Seguro para acidentes de trânsito.

http://www.legisweb.com.br/noticia/?id=8516