Fui obrigado a fazer um acordo trabalhista de R$5.000, mesmo tendo todas as provas a meu favor. Funcionário escondeu a verdade do próprio advogado de defesa.

Tive um funcionário que depois de ser despedido, entrou na justiça contra mim alegando que havia perdido a audição por culpa da empresa e por isso pedia danos morais, além de pensão vitalícia. Sempre fornecemos EPI correto e ele nunca trabalhou em áreas com muito barulho. O grande detalhe é que desde o exame admissional, já havia sido detectado o problema de audição dele e todos percebiam que ele era um pouco surdo. Para resumir, semana passada foi a audiência e achamos melhor fazer um acordo no valor de R$5.000. O advogado do funcionário não sabia que ele já tinha entrado surdo, ou seja, o funcionário mentiu para seu próprio advogado e por isso, o valor do acordo acabou sendo esse mesmo mais baixo do que esperávamos.

Tinha plenas condições de ganhar o processo, mas com certeza gastaria mais de R$5.000 com tudo. Teria que pagar o perito, ter custos advocatícios e muita dor de cabeça por meses ou anos. Minha advogada até comentou que se o juiz não estiver num dia bom, eu poderia perder a causa. Outra situação possível seria o perito ligar para mim pedindo uma bolada para dar um parecer favorável a mim. Ainda teria que contratar um médico para acompanhar a perícia e fazer alguma contestação técnica do laudo do perito caso necessário.

Moral da história, o funcionário salafrário saiu com R$5000 apesar de não merecer. Não houve justiça e incentiva todos demais funcionários a conseguir o mesmo dinheiro “fácil” se apoiando na putaria que é a justiça do trabalho no Brasil. Preferi pagar para ter sossego. Infelizmente tudo funciona assim no Brasil. Já lutamos contra tantas coisas e ainda temos que pagar para ter sossego, da mesma maneira que pagamos para o cuidador do carro (flanelinha) não estragar nosso carro.

2 comentários em “Fui obrigado a fazer um acordo trabalhista de R$5.000, mesmo tendo todas as provas a meu favor. Funcionário escondeu a verdade do próprio advogado de defesa.

  1. Michel disse:

    Para mim, a justiça no Brasil existe para;

    – ajudar extorsionistas, vigaristas, ladrões, mentirosos, políticos corruptos, etc. a roubarem gente honesta em nome de justiça

    – fazer lavagem de criminosos

    – dar trabalho e dinheiro aos advogados e aos juízes para quem a justiça na sociedade é a última preocupação

    – dar a ilusão que existe uma “justiça” no país.

    – desperdiçar muito imposto

    Tem tantos foros no país, tanta gente que trabalha neles e tanto dinheiro gasto. Mas nada está servindo para dar muitas sentenças justas. É tudo por dinheiro. A justiça também é mafia.

  2. Emerson Augusto disse:

    Amigo sou empresario, e infelizmente aprendi que a lei so trabalha a favor do empregado, pagamos tributos orbital, trabalhamos 4 meses por ano para o governo, e infelizmente a velha e ultrapassada lei trabalhista desse pais esta baseada em carta magma , CLT , leis de 1950,60 . Impostos criados em duplicidade com nomes dúbios. Juízes que trabalham em função do trabalhador. Sou uma pessoa muito justa , se cometo um erro ,não me importo em pagar por ele, mas aqui no Brasil o governo trabalha do outro lado,quer tirar o que pode e não pode do empresario, ao contrario de outros países , onde o governo trabalha em função das empresas e dos empresários , por que deles vem a receita. Mas aqui no Brasil é com os votos dessas pessoas que os corruptos se elegem , ninguém tem coragem de criar leis e benefícios a favor de empresas . As empresas não elegem ninguém, Pensamento de terceiro mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s